Despedida


Dizer adeus, por vezes necessário,
Para amigos que querem nosso bem,
É triste o pensar de ficar sem,
Tantos Motivos: justos e arbitrários.

Gosto amargo, a lágrima contida,
Viagem longa, distância tão distante,
Mas lá no fundo o que é mais importante,
Neste triste momento de partida?

Tristeza da saudade a encontrar?
Estar no labirinto sem saída,
Que em ti a solidão irá causar?

Temos que continuar vivendo a vida,
Se alguém parte é que um dia vai voltar,
Mas é triste sofrer com despedida!

Revisado em 21/09/2007
Inspirada na música "Cartão Postal" de Cazuza, do álbum "Burguesia"

2 comentários:

*©õllyß®y disse...

Qualquer despedida doi sempre...

Belo poema...

Doce beijo

Talles Azigon disse...

"se fosse dor tudo na vida a morte seria um grande bem" Manuel Bandeira. Pois eis depois de dizer um adeus a vida nos apresenta um olá e vamos vivendo e morrendo sempre

Postar um comentário

Olá. Obrigado por comentar meu texto. Se deixar o endereço do seu site / blog, eu retribuirei sua visita com prazer.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...