Gente Humilde - Chico Buarque



Check this out on Chirbit


Composição: Garoto, Chico Buarque e Vinicius de Moraes


Tem certos dias
Em que eu penso em minha gente
E sinto assim
Todo o meu peito se apertar
Porque parece
Que acontece de repente
Como um desejo de eu viver
Sem me notar
Igual a tudo
Quando eu passo no subúrbio
Eu muito bem
Vindo de trem de algum lugar
E aí me dá
Como uma inveja dessa gente
Que vai em frente
Sem nem ter com quem contar
São casas simples
Com cadeiras na calçada
E na fachada
Escrito em cima que é um lar
Pela varanda
Flores tristes e baldias
Como a alegria
Que não tem onde encostar
E aí me dá uma tristeza
No meu peito
Feito um despeito
De eu não ter como lutar
E eu que não creio
Peço a Deus por minha gente
É gente humilde
Que vontade de chorar

4 comentários:

Unknown disse...

ah que maravilha de canção eu amo amo amo muito mesmo adoro a Ana Carolina cantando

Maria Helena disse...

Meu querido,
Eu amo Chico Buarque e a música Gente Humilde mexe demais comigo!
Vou ao meu passado, no interior de Sergipe, e lembro da minha vida e das pessoas ao redor.
Obrigada por ter acionado uma saudade gostosa!
Um abraço!!!

Jota Brasil disse...

Rapaz...eu jurava que essa canção era do Renato Teixeira...
Lupo também é cultura!!!!!!!

silvioafonso disse...

.

Gente humilde não é da minha
época, mas como poesia não
tem idade, concluo que Ângela
Maria e Cauby cantaram antes
para quem nasceu depois.

silvioafonso.
Apaixonado pelos amigos.





.

Postar um comentário

Olá. Obrigado por comentar meu texto. Se deixar o endereço do seu site / blog, eu retribuirei sua visita com prazer.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...